A Baixa Autoestima está te Deixando Vulnerável à Depressão?

A baixa autoestima faz com que nos sintamos mal sobre nós mesmos. Mas você sabia que ao longo do tempo isso também pode causar o desenvolvimento de condições mentais graves, tais como a depressão?

 
A baixa autoestima é um indicador importante usado pelos médicos como um possível sintoma para um transtorno depressivo. Mas a baixa autoestima causou a depressão, ou vice-versa? Pesquisadores há muito tempo buscam resolver esse problema ‘da galinha e do ovo’ (quem veio antes?) em relação à autoestima e a depressão. Certamente, se você não gosta de si mesmo, muito provavelmente se sentirá deprimido. Por outro lado, se você está deprimido, muito provavelmente se sentirá mal sobre quem você é.

 
A única maneira de separar os conceitos altamente relacionados de autoestima e depressão é através de uma investigação longitudinal, em que as pessoas são acompanhadas ao longo de um tempo. Um estudo sobre a depressão, conduzido pelos pesquisadores da Universidade da Basileia, Julia Sowislo e Ulrich Orth, contrastou as direções concorrentes entre ‘baixa autoestima que gera depressão’ versus ‘depressão que gera baixa autoestima’.

 
Quase todos os resultados suportam o modelo de vulnerabilidade da autoestima e da depressão. Com o passar do tempo, a baixa autoestima é um fator de risco para a depressão, independente de quem está sendo testado e como. O estudo indica que a baixa autoestima causa depressão, mas não o contrário.

 
Consequentemente, se uma pessoa tiver uma baixa autoestima, há um risco maior de desenvolver depressão. Esta é uma descoberta muito importante porque mostra que melhorar a autoestima de uma pessoa pode proporcionar inúmeros benefícios, inclusive ajudando a não desenvolver um quadro depressivo.
O estudo concluiu que existem evidências convincentes para reconhecer os efeitos da vulnerabilidade da baixa autoestima em relação à depressão.

 
De acordo com o Dr. Lars Madsen, psicólogo clínico australiano e especialista em autoestima, a realidade, frequentemente, é um fator-chave tanto no desenvolvimento quanto na manutenção da depressão. Uma pessoa com baixa autoestima ‘pessoaliza’ as coisas, e de uma maneira negativa.

 
As pessoas com baixa autoestima tentam não desaprovar, mas sim verificar os seus autoconceitos negativos, ao procurar o feedback negativo das pessoas no seu meio. Elas pensam sobre os seus focos inadequados, no feedback negativo que recebem dos outros, ponderando esse feedback, e, consequentemente se tornam mais deprimidas. O seu humor negativo também faz com que elas sejam percebidas de forma mais negativa pelos outros, o que faz com que se sintam machucadas e rejeitadas.

 
Madsen também confirma a raridade de estudos relacionados à autoestima e à depressão, o que não permite que os argumentos causais sejam feitos. Entretanto, o estudo detalhado citado acima concluiu que a melhor maneira de proteger o seu humor positivo é encontrando maneiras de impulsionar a sua autoestima.
Referência

Sowislo, J., & Orth, U. (2013). Does low self-esteem predict depression and anxiety? A meta-analysis of longitudinal studies.Psychological Bulletin, 139(1), 213-240. doi:10.1037/a0028931
artigo original : http://psychcentral.com/blog/archives/2014/03/29/is-low-self-esteem-making-you-vulnerable-to-depression/

Leave a Reply

AutoEstima em 30 Dias